Utilização de terapia fotodinâmica e fotobiomodulação como terapias complementares no tratamento da esporotricose em felinos

Resumo

A esporotricose é uma doença infectocontagiosa de extrema importância na clínica de felinos, pois apresenta desafios devido ao tratamento ser longo e dificultoso. O objetivo nesta pesquisa foi avaliar o efeito da terapia fotodinâmica (aPDT) e fotobiomodulação (FBM) como terapias complementares para o tratamento de esporotricose em felinos. Foram selecionados 12 felinos domésticos com sintomas de esporotricose, que foram divididos em 3 grupos de tratamento: G1 - tratamento convencional; G2 - tratamento convencional + irradiação laser; G3 - tratamento convencional + fotossensibilizador e irradiação laser. As aplicações foram realizadas uma vez por semana até completa cicatrização das lesões. Todos os animais possuíam estatisticamente um padrão em termos de tamanho da lesão no D0. Os animais do G1 não apresentaram cicatrização total em 56 dias de acompanhamento das lesões e tratamento convencional, enquanto os animais do G2 e do G3 apresentaram cicatrização em 14 dias pós início do tratamento. Concluiu-se que as feridas existentes em quadros de esporotricose felina tratadas com FBM ou aPDT apresentaram melhor evolução do processo de cicatrização comparada com o tratamento convencional a partir do 7º dia de início do tratamento, promovendo total cicatrização no 14º dia.

Biografia do Autor

Amanda Freitas Melo, Universidade Brasil

Discente do curso de Medicina Veterinária, Universidade Brasil, Campus Fernandópolis.

Gabriel Faria Carvalho, Universidade Brasil

Discente do curso de Medicina Veterinária, Universidade Brasil, Campus Fernandópolis.

Gabriel Pinheiro Pomim, Universidade Brasil

Discente do curso de Medicina Veterinária, Universidade Brasil, Campus Fernandópolis.

Murilo da Silva Garcia, Universidade Brasil

Discente do curso de Medicina Veterinária, Universidade Brasil, Campus Fernandópolis.

Pedro Manoel de Souza Neves, Universidade Brasil

Discente do curso de Medicina Veterinária, Universidade Brasil, Campus Fernandópolis.

Richarlla Aparecida Buscariol Silva, Universidade Brasil

Discente do curso de Medicina Veterinária, Universidade Brasil, Campus Fernandópolis.

Danila Fernanda Rodrigues Frias, Universidade Brasil

Docente do Programa de Mestrado em Ciências Ambientais da Universidade Brasil, Campus Fernandópolis.

Publicado
2021-10-11
Como Citar
MeloA. F., CarvalhoG. F., PomimG. P., GarciaM. da S., NevesP. M. de S., SilvaR. A. B., & FriasD. F. R. (2021). Utilização de terapia fotodinâmica e fotobiomodulação como terapias complementares no tratamento da esporotricose em felinos. REVISTA CEREUS, 13(3), 207-217. Recuperado de http://www.ojs.unirg.edu.br/index.php/1/article/view/3544
Seção
Artigos